Localização História Estatística Política Cultura Variedade Vistas Personalidades Solidariedade Procurar Créditos Home

1970 - Time juvenil. Quanta saudade do "seu" Cláudio que tanto tempo trabalhou no grupo escolar, grande jogador e apaixonado pelo futebol. Sempre dedicou parte de seu tempo para treinar os futuros atletas.


Da esquerda para direita :

Em pé: Seu Claudio, Valentim Dalla Pria, Sidney, Carlos Devaner, Rato , Pedrão e Scali.

Agachados: Murillo , Ricardo Pecchio, Cláudio Fernandes ( Cacati filho do Zelão ), Duca, Vítima, Elias.

Em pé: sr. Claudio, Chã, Margarido, Nelsinho, Família Luiz, Baianinho, Benê,  Frederico Roncada, José Roberto Scali
Agachados: João Guerra, Jim, Meleca, Zequinha Araújo, ?

Seleção de 1970 , estes foram ídolos de muita gente , inclusive meu. Foi a melhor seleção de Quatá que eu pude conhecer, justamente no mesmo ano da melhor seleção do Brasil - A tricampeã. Era uma época de uma excelente safra .

Em pé: Dutra, Balejo, Lúcio Haddade, Dorjão Sendão, Pedrão de Paraguaçú, Lelo, Alemãozinho (filho do Braulino), Mané.

Agachados : Cesar de Santa Lina, Toninho do Dario de Santa Lina, Dairson Sendão, Sebinho, Dráuzio Pazzianoto, Ademir, Jim da Santa Lina.


Ainda no ano de 1971 tínhamos um time espetacular: 
Em pé da esquerda para direita: Devaner Masi, Sendão, Lelo, Augusto Dutra Rosa, Lúcio Haddade, ?, Jim de Santa Lina, Alemãozinho filho do Braulino, Mané e sr. Bidi
Agachados: Ademir, ?, Dairson, Cebinho, Drausio Pazzianoto, César de Santa Lina

 

Safra de 1971

Outra formação da nova geração que também deu muita alegria nas tardes de Domingo.

Da esquerda para direita em pé:

Preto, Gerônimo, Modestinho, Grosso, Giacon, Paulinho Guimarães, Lourival e sr. Bidi.

Agachados:

Padeiro, Toninho do Dario de Santa Lina, Dairson, Paulinho da Didi, Frozó e Quinho

Os melhores de 1973

Em pé da esquerda para direita: Mané como treinador, Baianinho, Paulinho Sebinho, Paulinho da Tié, Ademir Cheiroso, Gilson Gil de Oliveira, Alcir do Colégio Agrícola.

Agachados: Zopolatto, Meleca, Maza Pazianotto, João Guerra e Cham Pazianotto.

Ainda em 1973

Em pé da esquerda para direita: Mané como treinador, Nilsinho, Zopolatto, Baianinho, Paulinho da Tié, Frozó, Quinho, Alcir do Colégio Agrío , Borracha Jerônimo.

Agachados: Paulinho Sebinho, Meleca, Maza, João Guerra, Gilson Gil de Oliveira, Cham Pazianotto


Infantil de 1974

O Mané padeiro, grande goleiro de Quatá e habilidoso jogador de futebol de salão também dedicou parte do seu tempo em formar uma equipe infantil e mirim. Olha a turminha aí abaixo

 

Em pé, da esquerda para direita : Mané Padeiro, Adilson Melendes ( filho do sr. Mané Carroceiro), Toninho Alencar, Edmundo Pelini Jr. , Paulinho Nucci , Desidério, Serginho Roncada, Enio Valejo, Paulinho Catelani e Elias.

Agachados, da esquerda para direita : Júnior do Tininho, Marquinho Bucheiro, Mazeta, ? , Lito, Muçum (Orlandinho filho do sr. Vantoir) , Cride e ?.

1975 ? talvez, abaixo o time do Chackry

Em pé , da esquerda para direita: João Conde , Alemão, Valentim, Marivaldo, Padeiro, Quinho, Mauri, Nilsinho, Vermelho Prevelato, Nestor Jerõnimo.

Agachados: Paulinho da Didi, Zopolatto, Duca, Sebinho1, Gilson, Paulinho, Dráusio , Maza, Cham e o Celso Ferreira.

Dr. Hélio Chrysóstomo - Juvenil de 1976 / 1977

 

Este foi outro grande homem dedicado ao esporte. Passava os finais da tarde treinando o juvenil e a maioria das vezes assumia sozinho todas as despesas de viagem que o time precisava fazer para jogar fora da cidade. Era um idealizador e o melhor juiz que Quatá já teve.


Acima, da esquerda para direita:
Gláucio, Roberto Chrysóstomo, Nei Fante Cunha, Serginho Roncada, Paulo Catelani e o Tozó

 

 

1978

Contar a história de Quatá as vezes fica difícil e dá um nó na garganta, pois acaba sendo também um pouco de minha biografia. 
O nó na gargante é porque , exatamente neste inicio de ano de 1978 , no auge de minha juventude , partia para Sampa para chocoalhar nos ônibus e conhecer aquele novo mundo que era São Paulo, passar por 2 anos resfriado sem sarar e um frio que não estava acostumado e sem "nenhum" no bolso. Pensava : o que vim fazer aqui.

Porque o desabafo? É porque nesta foto eu tinha meu espaço aí. Em 1978 foi quando o juvenil passou a ser o time principal do Quata Futebol Clube, e eu, presente até as fotos de 1977, não pude realizar este sonho. Tá bom, fica para a próxima vez !

Em pé da esquerda para direita:
Fanttini, José Stivalli, Nivaldo, Paulinho Nucci, Jaiminho Cambaúva, Joãozinho, Jair Fabrício, Toninho Alencar, Cipó

Agachados da esquerda para a direita
Nutinho, Mauro Vassora, Orlandinho, Paulo Catelani, Sergio Cardoso, Nilson Rato, Nei Cunha , Sérgio Roncada, Pingoim, Sr.Claudio como massagista.

 

 


Paticiparam desta matéria: Especial agradecimentos ao Paulinho da Tié, Claudinho Gomes e Acqua representada pelo seu presidente, dr. Marco Antônio Nicácio e Roberto Chrysóstomo que forneceram as fotos, o Giaconzinho e Rogério Nogueira "by e-mail" deram algumas "dicas" dos nomes dos jogadores. Finalmente o Júlio Roncada sempre nos ajundando na página enviou a foto de 1974 , além do Pedrão Silvestre que nos deu algumas dicas de nomes que estavam faltando. Foto de 1971 pelo prof. David Constantino

Também um pedido de desculpas por não lembrar o nome de algumas pessoas, apesar de saber exatamente quem são. Portanto, solicito quem navegar por esta página, por favor , ajude a atualizá-la dando informações dos nomes que faltam.